fbpx

Curitiba: 12 pontos turísticos que você não pode deixar de conhecer

ATENÇÃO: devido a pandemia de Covid-19 muitos países restringiram parcialmente ou totalmente o acesso de turistas estrangeiros em suas fronteiras aéreas e terrestres. Consulte informações sobre o seu destino nos sites dos órgãos oficiais e/ou no seu portal jornalístico de confiança.

SEGURO VIAGEM: apenas algumas seguradoras estão garantindo 100% das assistências médicas para casos e sintomas relacionados ao COVID-19. A maior parte das seguradoras só garantem as coberturas até o diagnóstico. Em todas as seguradoras as demais coberturas (diárias em hotel, garantia de regresso, etc) perdem a validade após o diagnóstico positivo.

Curitiba tem muitos pontos turísticos que encantam seus visitantes. Já estivemos por lá várias vezes e nesse post listamos 12 pontos turísticos de Curitiba que você não pode deixar de conhecer.

Jardim Botânico em Curitiba
Jardim Botânico.

Frio, céu nublado e chuva: essas são as três primeiras coisas que muita gente pensa quando se lembra de Curitiba. Mas a capital do Paraná é uma cidade muito bonita, tem muitos pontos turísticos e é muito bem preparada para receber os turistas.

Curitiba é uma cidade marcada pela colonização europeia. Você vai notar isso quando passear pelos bairros e pontos turísticos. Muitos deles possuem memoriais poloneses, ucranianos e italianos, por exemplo. À essa mistura de povos se dá o ar curitibano e a cultura local.

12 Pontos turísticos de Curitiba que você não pode deixar de conhecer

Mesmo que você tenha uma semana para conhecer Curitiba, não vão faltar coisas para fazer. A cidade tem dezenas de pontos turísticos para preencher o seu roteiro.

Neste artigo listamos 12 pontos turísticos de Curitiba que você precisa conhecer e que vão tornar a sua estadia mais que especial.

1) Jardim Botânico

O Jardim Botânico, sem dúvidas, é o cartão-postal de Curitiba. Se você já pesquisou a cidade no Google, com certeza se deparou com a foto desse ponto turístico.

Jardim Botânico em Curitiba
Jardim Botânico

De dentro da estufa de vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres, você pode ter uma bela vista dos jardins em estilo francês. Lá você pode ver as diversas espécies catalogadas.

Pontos turísticos de Curitiba
Jardim Botânico.

Se preferir um passeio mais rápido, você pode apenas andar pelo jardim e aproveitar para tirar belas fotos com a sua família.

O ponto turístico abriga também o Museu Botânico.

Funcionamento: segunda a sexta das 8h às 17h, sábados e domingos das 9h às 18h.
Entrada gratuita.

Não deixe de ler Jardim Botânico de Curitiba: Visite o Cartão postal da capital do Paraná! no blog Viajante Comum.

2) Ópera de Arame

A Ópera de Arame é um teatro construído em estilo construtivo, com tubos de aço e estruturas metálicas.

Ópera de Arame em Curitiba
Ópera de Arame.

Para acessar o teatro, o visitante precisa passar por uma passarela em cima de um lago, que também dá vista a uma cascata artificial.

Pontos turísticos de Curitiba
Palco Ópera de Arame.

Como dá para perceber pelas fotos, a beleza arquitetônica é marcante nesse ponto turístico de Curitiba.

Funcionamento: segunda a domingo das 10h às 18h.
A entrada a alguns espaços do complexo está sujeita a cobrança de ingressos.

Se você se interessa por cultura, pode também conhecer a Pedreira Paulo Leminski, que fica próxima à Ópera de Arame e é palco de grandes shows na cidade.

Caso esteja em busca de mais opções de entretenimento, o Teatro Guaíra e o Teatro Paiol são outros estabelecimentos tradicionais da cidade.

3) Mercado Municipal

O Mercado Municipal de Curitiba é o destino ideal para comprar ingredientes seletos para usar em casa e também para lanchar ou almoçar.

Pontos turísticos de Curitiba
Mercado Municipal de Curitiba.

Uma dica é aproveitar o passeio para tomar café no tradicional Café do Mercado.

Funcionamento: segundas das 7h às 14h, terça a sábado das 7h às 18h e aos domingos de 7h às 13h.

Não deixe de ler Mercado Municipal de Curitiba: um local de encontros no blog Chicas Lokas.

4) Parque Barigui

Curitiba é uma cidade cheia de parques e o Parque Barigui destaca-se pelo ambiente que comporta uma série de atrações para além da área verde.

Pontos turísticos de Curitiba
Parque Barigui.

No lago, o visitante pode se divertir observando os pássaros e as capivaras. Quem está a fim de fazer uma caminhada, pode correr nas pistas de corrida ou se aventurar em uma das trilhas dentro dos bosques do parque.

Além disso, o espaço também abriga o Museu do Automóvel de Curitiba, onde você vai conhecer os mais de 70 veículos em exposição mediante ingresso de R$10.

Funcionamento: aberto 24h todos os dias.
Entrada gratuita.

5) Museu Oscar Niemeyer

Para quem é fã de Oscar Niemeyer, Curitiba conta com um museu assinado pelo arquiteto, apelidado de “Museu do Olho”, devido à sua forma arquitetônica.

Pontos turísticos de Curitiba
Museu Oscar Niemeyer. Foto: Helen Pusch – blog Recordações de Viagem.

O museu de arte contemporânea abriga aproximadamente 7 mil obras nas áreas de artes visuais, arquitetura e design. Além disso, é o maior museu da América Latina e já foi eleito um dos 20 lugares mais bonitos do Brasil pela CNN, em 2014.

Além do espaço interno, o museu conta com ampla área externa para passeios.

Funcionamento: terça a domingo das 10h às 18h.
Ingresso: R$20 (inteira) e R$10 (meia). Às quartas-feiras a entrada é gratuita.

Se você caminhar mais um pouco chega em outro ponto turístico, o Bosque do Papa, um pequeno parque criado em homenagem ao Papa João Paulo II e que comporta o Memorial da Imigração Polonesa.

6) Bosque do Alemão

O Bosque do Alemão é uma área rodeada pela preservação da mata atlântica nativa e por monumentos que homenageiam a imigração alemã, representando um espaço perfeito para um passeio em família.

Pontos turísticos de Curitiba
Bosque do Alemão,

Entre as atrações do bosque está a trilha João e Maria, que proporciona a experiência de ler e acompanhar a narrativa do conto enquanto se faz uma caminhada relaxante em meio às paisagens naturais.

Funcionamento: diariamente das 6h às 20h.

Esse parque abriga uma biblioteca infantil que funciona das 9h às 17h. Aos sábados e domingos, a partir das 14h, as crianças podem se divertir na Hora do Conto, com a encenação de histórias infantis.

Se você tem interesse em outros pontos turísticos como este, pode se interessar também pelo Parque Tingui, o qual possui monumentos que homenageiam a imigração ucraniana, além de uma extensa área verde.

7) Feira do Largo da Ordem

Se você estiver em Curitiba em um domingo, não deixe de passar pela Feira do Largo da Ordem. Lá você encontra peças de artesanato de diferentes expositores. É a oportunidade perfeita para valorizar a cultura local.

Feira do Largo da Ordem
Feira do Largo da Ordem.

Para além da feira, o Largo da Ordem se encontra no coração do Centro Histórico de Curitiba. Ao seu redor, você pode contemplar resquícios da arquitetura do século XIX e início do século XX.

Aproveite para conhecer o Cavalo Babão, uma obra do artista plástico Ricardo Tod, inaugurada em 1995, que solta água pela boca e foi esculpida em homenagem aos tropeiros que saíam do interior rumo a Curitiba no século XX e deixavam seus cavalos atrelados no centro da cidade.

Funcionamento: aos domingos das 9h às 14h.

Na região, você encontra a Igreja da Ordem (a mais antiga de Curitiba), além de outros patrimônios históricos, como a Casa Romário Martins, a Casa Vermelha, o Museu de Arte Sacra e o Bebedouro. É o local perfeito para conhecer a história da capital paranaense.

8) Santa Felicidade

O bairro Santa Felicidade é marcado pela colonização italiana. Surgiu em 1878, com a chegada dos primeiros imigrantes e descendentes de italianos.

É um ambiente propício para diversos tipos de passeios, desde caminhadas a um bom jantar em um restaurante de comida típica.

Entre as atrações, temos o Bosque São Cristóvão, que abriga o Memorial de Imigração Italiana.

Outras opções para passeio envolvem uma visita a Vinhos Durigan para comprar uma boa garrafa de vinho ou fazer uma degustação, ou jantar em um dos restaurantes tradicionais da região, como o conhecido Madalosso.

9) Rua XV

O Calçadão da Rua XV, conhecido como Rua das Flores, também faz parte de uma região antiga da cidade.

Rodeado por prédios e sobrados centenários, além de uma variedade de bares e pequenos comércios típicos, é um bom local para caminhar um pouco e sentir o clima curitibano.

Rua das Flores em Curitiba
Rua das Flores.

A rua é considerada patrimônio da população paranaense. Do seu início ao seu fim, você pode contemplar prédios muito importantes para a história de Curitiba, como o Palácio Avenida, o Teatro Guaíra e o Prédio Histórico da Universidade Federal do Paraná.

10) Museu Egípcio e Rosacruz

É bem provável que você não sabia que Curitiba possui um museu egípcio. Embora não seja um dos pontos turísticos mais famosos da cidade, é um espaço muito curioso e com um acervo interessante para quem gosta de história do mundo antigo.

O museu conta com um dos maiores acervos egípcios do Brasil, com cerca de 700 objetos. As exposições fixas mostram artefatos como máscaras funerárias, tumbas e estatuetas que correspondem a peças do período pré-dinástico ao fim do período faraônico.

Além disso, neste ponto turístico, fica a múmia Tothmea, descoberta há mais de um século.

Ingressos: de R$5 a R$34, de acordo com a modalidade escolhida.
Mais informações no site oficial.

11) Parque Tanguá

Situado em uma antiga pedreira, junto ao rio Barigui, o Parque Tanguá preserva a natureza em um local que deveria abrigar uma usina de reciclagem de caliça e lixo industrial.

Parque Tanguá em Curitiba
Parque Tanguá.

Chama atenção seu portal de acesso, com mirante a 65 metros de altura, a cascata e o grande jardim em estilo francês.

Funcionamento: diariamente das 6:00 às 22:00.
Entrada gratuita.

Não deixe de ler Parque Tanguá, o parque mais lindo de Curitiba no blog Fui Ser Viajante.

12) Unilivre – Universidade Livre do Meio Ambiente

Esse bosque ocupa uma área verde totalmente regenerada após ser explorada por anos para extração de granito.

UNILIVRE em Curitiba
UNILIVRE.

Abriga a Universidade Livre do Meio Ambiente – UNILIVRE, que tem por objetivo repassar conhecimentos sobre o meio ambiente à população em geral. Sua estrutura foi feita com troncos de eucalipto e vidro, e chega a 15 metros de altura.

Funcionamento: diariamente das 8h às 18h.
Entrada gratuita.

Linha Turismo: passa pelos pontos turísticos de Curitiba

Curitiba tem a fama de possuir um ótimo sistema de transporte público. Você vai encontrar pontos de ônibus e linhas para cruzar facilmente toda a cidade.

Entretanto, se seu objetivo for fazer um passeio, a cidade também conta com a Linha Turismo que passa a cada 30 minutos pelos pontos turísticos mais famosos de Curitiba.

Confira algumas dicas para aproveitar a Linha Turismo de Curitiba:

  • Você pode começar o passeio em qualquer um dos 26 pontos turísticos disponíveis. Para conferir a lista e os horários, acesse o site oficial.
  • Ao entrar no ônibus você precisa comprar o ingresso para poder usá-lo durante o dia todo. Por cerca de R$50, você pode descer em todos os pontos turísticos que quiser. O valor parece alto, mas Curitiba é uma cidade grande. Outros meios de transporte, como táxis ou aplicativos como Uber, custariam muito mais para transitar de um ponto turístico a outro.
  • Lembre-se de levar dinheiro, pois é a única forma aceita de pagamento. Além disso, fique de olho naqueles pontos turísticos que cobram ingressos para a entrada.
  • O ônibus não opera nas segundas-feiras e o horário de funcionamento é das 9h às 17h30.

Roteiro para conhecer Curitiba em 1 dia

Se você tiver vários dias para conhecer a cidade, vai poder aproveitar e conhecer a maior parte dos pontos turísticos que trouxemos aqui.

Mas se você for passar apenas um dia na cidade e estiver indeciso a respeito de quais locais escolher, fique tranquilo. Abaixo um itinerário para conhecer os principais pontos turísticos de Curitiba em um dia, utilizando a Linha Turismo.

Manhã

  • Vamos começar o passeio pelo Centro Histórico de Curitiba, na Praça Tiradentes, o marco zero da Linha Turismo. Este ponto turístico fica próximo ao Largo da Ordem que falamos aqui, então você também pode explorá-lo antes de embarcar no ônibus para o próximo destino.
  • Opcional: se estiver com tempo, você pode desembarcar na Rua das Flores para conhecer o calçadão e explorar os pontos turísticos que ficam próximos, como a Rua 24 Horas.
  • Em seguida, desembarque no Jardim Botânico e aproveite para entrar na estufa e fazer belas fotos nos jardins.
  • O último ponto da manhã será o Mercado Municipal, onde você pode almoçar em um de seus restaurantes ou tomar um café no Café do Mercado.

Tarde

  • Durante a tarde, você não pode perder a chance de conhecer os maiores cartões-postais da cidade.
  • Após o almoço, pegue de novo a Linha Turismo e desça no Museu Oscar Niemeyer. As exposições valem muito a pena. Além disso, você tem a chance de subir até o “olho” e fazer várias fotos incríveis no caminho.
  • Ao sair do museu, se ainda tiver fôlego, aproveite para conhecer o Bosque do Papa que fica ali do lado. Há alguns banquinhos para se sentar um pouco, aproveitar a vista e relaxar por uns minutos.
  • Mas a tarde não para por aí! Suba mais uma vez ao ônibus e siga até a Ópera de Arame. Você não vai se arrepender!

Noite

  • Antes do fim das operações da linha Turismo, garanta que você vai embarcar a tempo para chegar a Santa Felicidade.
  • Opcional: Visite a Vinhos Durigan no fim da tarde e leve alguma lembrancinha para seus amigos e familiares.
  • Termine a noite um pouco mais à frente na Av. Manoel Ribas em um dos vários restaurantes italianos de Santa Felicidade.
  • Siga de carro de aplicativo ou táxi para seu hotel, já que provavelmente as atividades do ônibus turístico vão estar encerradas.

Sabia que há um trem de passageiros que liga Curitiba a Morretes, passando pelas belas paisagens da Serra da Graciosa? Saiba mais em Passeio de trem em Curitiba – uma viagem inesquecível no tempo no blog Mapa na Mão.

Onde ficar em Curitiba

Nossa indicação é o Blue Tree Towers Saint Michel, localizado no centro de Curitiba, pertinho da praça Rui Barbosa, Rua 24 Horas, do Shopping Curitiba e com fácil acesso a qualquer parte da cidade.

Com diárias a partir de R$203 (quarto duplo), foi nossa escolha de hospedagem em novembro de 2018, quando estivemos pela terceira vez na cidade.

Veja a opinião de outros viajantes em Booking.com.


Leia também

Curitiba sediou o 2º Encontro de Blogueiros de Viagem da RBBV

Roteiro de 4, 5 ou 6 dias em Foz do Iguaçu

VIAJE POR CONTA PRÓPRIA E ECONOMIZE MUITO!
Reserve hospedagem no Booking.com
Seguro Viagem com desconto em Segurospromo
Alugue um carro em Rentcars
Passagens aéreas promocionais em Passagens Promo
Passeios em Santiago com Destino Chile (cupom #bloglovers 10%OFF)
Tours pela América do sul em Denomades.com
Passagens de ônibus, trem e avião dentro da Europa em Omio
Ingressos e passeios pelo mundo em GetYourGuide
Chip Internacional com 5% de desconto em America Chip
Chip Internacional com frete grátis em EasySIM4U
Chip Internacional da Viaje Conectado com 10%OFF cupom PROMO10

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!