fbpx

Onde ficar em Campo Grande MS: nossas indicações e melhores bairros

ATENÇÃO: devido a pandemia de Covid-19 muitos países restringiram parcialmente ou totalmente o acesso de turistas estrangeiros em suas fronteiras aéreas e terrestres. Consulte informações sobre o seu destino nos sites dos órgãos oficiais e/ou no seu portal jornalístico de confiança.

SEGURO VIAGEM: apenas algumas seguradoras estão garantindo 100% das assistências médicas para casos e sintomas relacionados ao COVID-19. A maior parte das seguradoras só garantem as coberturas até o diagnóstico. Em todas as seguradoras as demais coberturas (diárias em hotel, garantia de regresso, etc) perdem a validade após o diagnóstico positivo.

Saiba onde ficar em Campo Grande, a capital do Mato Grosso do Sul. Leia nossas indicações de hotéis, pousadas e hostels, além de quais o melhores bairros para se hospedar de acordo com o propósito da sua viagem. Dicas importantes de quem mora na cidade.

Parque das Nações Indígenas
Parque das Nações Indígenas.

É verdade que a maioria dos turistas que chegam a Campo Grande estão a caminho do Pantanal ou de Bonito. Mas mesmo nesses casos vale a pena passar ao menos um dia em Campo Grande, já que a cidade é muito bonita, uma das capitais mais verdes do Brasil e tem algumas atrações que podem agradar os mais diversos tipos de viajantes.

Mas muita gente vem para cá a trabalho. E para o sucesso completo da sua viagem a trabalho é preciso escolher uma boa opção de hospedagem e de preferência localizada na mesma região dos seus compromissos profissionais.

Como o nosso post O que fazer em Campo Grande é um sucesso, resolvemos escrever esse post com indicações de hospedagem em Campo Grande, além de falar sobre os melhores bairros e quais são mais indicados para cada tipo de viajante.

Feira Central de Campo Grande
Feira Central.

Campo Grande MS

Se você está vindo pela primeira vez a Campo Grande MS, talvez ainda não saiba que os sul-mato-grossenses não gostam quando os visitantes confundem o Mato Grosso do Sul com o Mato Grosso.

Então fica a dica, é Mato Grosso do SUL! Não é nada contra o Mato Grosso, que é um lindo estado e cheio de atrações, é que ninguém gosta de ser chamado de nome errado ou ter o nome da sua cidade ou estado trocado, não é mesmo?

Campo Grande foi criada em 21 de junho de 1872 e sua população atualmente é de mais de 900 mil habitantes. É uma capital com ares de interior, que ainda consegue proporcionar uma boa qualidade de vida aos seus moradores e visitantes.

Os grandes engarrafamentos ainda não chegaram por aqui (às vezes eles até se formam mas é muito fácil desviar pegando ruas paralelas). Temos ar puro, muitos parques e áreas verdes. A gastronomia é outro ponto forte de Campo Grande, com destaque para os restaurantes de comida japonesa, churrascarias e os especializados em pratos com peixe.

Muita gente de outras regiões do Brasil, principalmente do sudeste e sul do país, vem para Campo Grande por motivos profissionais e acaba ficando após se apaixonar pela qualidade de vida da “cidade morena”, apelido da capital do MS.

Saiba mais no post o que fazer em Campo Grande, onde falamos das principais atrações da cidade.

Onde ficar em Campo Grande

Como Campo Grande é uma cidade de médio porte, se você vier de carro, for alugar um aqui ou pretende se locomover utilizando os veículos de aplicativo, independente do bairro em que você se hospedar vai ser fácil chegar em qualquer outro ponto da cidade.

Já para quem depende do serviço de transporte público, nossa recomendação é tentar se hospedar o mais próximo possível da região onde acontecerão seus compromissos profissionais.

De toda forma, mesmo quem tem meios próprios de locomoção pode preferir ficar bem localizado, tanto para os assuntos profissionais quanto para aproveitar o tempo livre.

Melhores bairros de Campo Grande

Abaixo os melhores bairros para se hospedar em Campo Grande com um resumo dos seus pontos positivos e negativos para cada tipo de viajante.

Centro

Como em quase todas as capitais brasileiras, o centro não é a região mais indicada para se hospedar, já que de dia é muito movimentado e a noite é praticamente deserto.

Mas se você não terá meios próprios de locomoção, quer economizar com táxi ou Uber e seus compromissos profissionais ficam na região central, ficar hospedado no centro de Campo Grande será sua melhor escolha.

Centro de Campo Grande
Centro de Campo Grande.

Para todos os outros perfis de viajantes nós recomendamos escolher uma opção em alguns dos bairros abaixo.

O Jandaia Hotel é uma das opções mais tradicionais no centro de Campo Grande. Tem uma das melhores localizações, na esquina das ruas 13 de Maio e Barão do Rio Branco. Esse hotel 4 estrelas tem diárias a partir de R$149 no quarto individual e R$167 no quarto duplo.

Outra opção é o Hotel Advanced, localizado na Av. Calogeras,1909, bem próximo ao Camelódromo e ao Mercado Municipal. Tem diárias a partir de R$115 no quarto individual e R$135 no quarto duplo.

Amambaí

Bairro vizinho ao centro, é uma boa opção para quem quer ficar na região central, porém mais afastado da confusão.

Nesse bairro ficam alguns pontos de interesse turístico como a Praça das Araras, Orla Morena e a Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. De lá também é possível ir caminhando até a região central (cerca de 2 quilômetros). Um Uber até o centro custa menos de R$5.

É uma boa escolha para quem tem compromissos profissionais no centro ou vem a turismo.

Campo Grande MS
Praça das Araras.

O grande destaque do bairro Amambaí é o Hotel Vale Verde. Esse hotel 3 estrelas é um dos mais tradicionais de Campo Grande e fica localizado no início da Av. Afonso Pena, pertinho da Praça das Araras, Orla Morena, Círculo Militar, tem fácil acesso ao aeroporto e ao centro da cidade. As diárias custam a partir de R$179 no quarto individual e R$224 no quarto duplo.

Outra opção é o Indaiá Park Hotel, que também fica localizado na Av. Afonso Pena, porém com preços mais altos, tendo em vista o conforto que oferece aos seus hóspedes. Diárias a partir de R$194 no quarto individual e R$274 no quarto duplo.

Jardim dos Estados

Também vizinho ao centro, mas na direção contrária do bairro Amambaí, o Jardim dos Estados é um bairro nobre de Campo Grande.

Localizado a pouco mais de 1 quilômetro do centro de Campo Grande, é outra ótima região para fugir da bagunça e ainda assim ficar por perto e muito bem localizado.

Abriga alguns pontos de interesse turístico como a praça esportiva Belmar Fidalgo e a praça Pantaneira. A prefeitura de Campo Grande fica nas redondezas, assim como vários restaurantes, supermercados e comércio em geral.

É outra boa opção para quem tem compromissos profissionais no centro ou vem a turismo, estando ou não com meios próprios de locomoção.

Praça Pantaneira em Campo Grande
Praça Pantaneira.

A Pousada Mato Grosso é uma ótima opção nessa região. Oferece desde quartos individuais até quartos familiares para 5 pessoas, ideal para quem viaja em família ou em grupos. As diárias nos quartos individuais custam a partir de R$149, nos quartos duplos a partir de R$197 e nos quartos para 5 pessoas R$318.

Quem procura hospedagem de nível superior pode escolher sem medo o Bahamas Suíte Hotel, que com 4 estrelas é um dos melhores hotéis de Campo Grande. As diárias custam a partir de R$263 nos quartos individuais e R$293 nos quartos duplos.

Altos da Afonso Pena

Na verdade os Altas da Afonso Pena não é exatamente um bairro, mas uma região que engloba bairros nobres de Campo Grande. Afonso Pena é o nome da avenida principal da cidade e os seus altos são a região ao seu fim, próximo do Shopping Campo Grande, Parque das Nações Indígenas e Parque dos Poderes.

Chácara Cachoeira e Carandá Bosque são alguns dos bairros dessa região nobre de Campo Grande. Abrigam os melhores hotéis de Campo Grande e dão fácil acesso ao centro (3,5 quilômetros) e ao Parque dos Poderes (4 quilômetros).

É possível ir caminhando até o Parque das Nações Indígenas. Nessa região estão os principais museus de Campo Grande (Museu de Arte Contemporânea e o Museu das Culturas Dom Bosco), o principal shopping center da cidade e o Aquário do Pantanal (ainda em construção).

Mesmo para quem quer utilizar o transporte público essa é uma boa região para se hospedar, já por lá passam várias linhas de ônibus.

Parque das Nações Indígenas
Parque das Nações Indígenas.

Essa é nossa principal indicação de bairro para se hospedar em Campo Grande. É claro que por ser a melhor região da cidade, os preços dos hotéis são mais elevados.

O Grand Park Hotel se destaca pela localização bem em frente ao Shopping Campo Grande, com fácil acesso a qualquer ponto da cidade e a poucos minutos de caminhada do Parque das Nações Indígenas. Esse hotel 4 estrelas é um dos mais novos da cidade e tem em sua estrutura um restaurante aberto ao público, casa de câmbio e salão de beleza. As diárias custam a partir de R$245 nos quartos individuais e R$305 nos quartos duplos.

Já o Deville Prime Campo Grande, único hotel 5 estrelas de Campo Grande, fica a 1,4 quilômetro do Shopping Campo Grande, porém bem ao lado do Parque das Nações Indígenas e pertinho do Parque dos Poderes. É sem dúvidas o melhor hotel da cidade e até por isso tem diárias a partir de R$345 nos quartos individuais e R$403 nos quartos duplos. É a melhor opção para quem quer ficar muito bem hospedado e em uma excelente localização.

Parque dos Poderes

O bairro Parque dos Poderes é uma sede da administração pública estadual do MS. Não é um bairro residencial, apesar de existirem alguns poucos condomínios fechados por lá. As sedes dos Poderes Executivos, Legislativo e Judiciário do Mato Grosso do Sul estão todas nesse bairro.

É também um parque, pois está inserido em uma área verde de preservação, sendo comum avistar diversos animais silvestres como tamanduás, capivaras, quatis, tatus, araras e tucanos.

A noite o bairro é muito procurado por praticantes de esportes como caminhada, corrida e bicicleta. Aos domingos parte de suas ruas ficam fechadas para prática de atividades físicas e recreação.

Como fica mais afastado do centro da cidade, nós indicamos a hospedagem no Parque dos Poderes apenas para quem tem compromissos de trabalho em algum dos órgãos que tem sedo por lá.

Arara Canindé no Parque dos Poderes
Arara Canindé no Parque dos Poderes.

Quem vem de carro próprio ou alugará um também pode se hospedar por lá sem problemas, já que apesar do fluxo intenso de veículos no horário de pico, não chega a formar grandes engarrafamentos.

Já para quem vai utilizar o transporte público ou veículos de aplicativos, principalmente se tiver compromissos em outras regiões da cidade, é melhor escolher um dos bairros acima para se hospedar.

Agora que você já sabe quais os melhores bairros para ficar em Campo Grande, assim como qual é mais indicado para cada perfil de viajante e de viagem, preparamos algumas indicações de hospedagem para te ajudar a escolher a sua.

No Parque dos Poderes ficam o Ibis Budget e o Ibis Campo Grande. Os hotéis dessa rede dispensam apresentação, já que são conhecidos por manterem o mesmo padrão em qualquer unidade pelo mundo. São ótimas opções para quem decidir se hospedar nessa região. As diárias custam a partir de R$167 na versão Budget e de R$231 na versão padrão do hotel.

Outra opção é o Novotel, hotel de 4 estrelas com acomodações espaçosas e diárias a partir de R$357 nos quartos individuais e R$389 nos quartos duplos. Ideal para quem procura conforto e sofisticação.

Indicações de Hostels

Se você procura hospedagem a baixo custo, além da possibilidade de conhecer pessoas de diversas partes do mundo, a melhor opção é se hospedar em um dos hostels de Campo Grande.

Como somos porta de entrada para o Pantanal e Bonito, que recebem muitos turistas estrangeiros, boa parte deles jovens, é fácil encontrar mochileiros internacionais nos hostels de Campo Grande.

A maior desvantagem é que maioria deles não tem localização privilegiada, sendo preciso utilizar o transporte público ou veículos de aplicativo para chegar aos pontos de interesse turístico.

Nossas indicações são o Hostel Orla Morena (diárias a partir de R$35 em quarto compartilhado) e o Hostel Portal do Pantanal (diárias a partir de R$50), ambos localizados nas proximidades da Orla Morena, onde é possível praticar esportes, fazer caminhada, alugar uma bicicleta e com fácil acesso ao centro da cidade (até mesmo caminhando).


Leia também

Como ir de Campo Grande para Bonito

Roteiro de 4 dias em Bonito MS – O que fazer e dicas para economizar

Hotel Paraíso das Águas – Melhor custo benefício de Bonito

Flutuação Nascente Azul – Bonito MS

Estância Mimosa

Flutuação Barra do Sucuri – Bonito MS

Passeio de Bote em Bonito MS

Arvorismo em Bonito

VIAJE POR CONTA PRÓPRIA E ECONOMIZE MUITO!
Reserve hospedagem no Booking.com
Seguro Viagem com desconto em Segurospromo
Alugue um carro em Rentcars
Passagens aéreas promocionais em Passagens Promo
Passeios em Santiago com Destino Chile (cupom #bloglovers 10%OFF)
Tours pela América do sul em Denomades.com
Passagens de ônibus, trem e avião dentro da Europa em Omio
Ingressos e passeios pelo mundo em GetYourGuide
Chip Internacional com 5% de desconto em America Chip
Chip Internacional com frete grátis em EasySIM4U
Chip Internacional da Viaje Conectado com 10%OFF cupom PROMO10

2 Comments

  1. Luciano de Lima Vieira 01/07/2020
    • redação 04/07/2020

Gostou? Deixe sua dúvida ou comentário!